Especial Lollapalooza 2015 – BIG GIGANTIC

Big-Gigantic

Big Gigantic, cuja mistura de batidas alucinantes, baixo estrondoso e frenéticas melodias estabeleceu uma sequência radical desde a sua formação, em 2008, levou o seu som para uma outra dimensão com o lançamento de Noctural, em 2011, que solidificou Big Gigantic como um dos grupos mais importantes no mundo da música eletrônica, dance e hip-hop.

Com um som provocante, reflexivo e ao mesmo tempo dançante, Big faz melodias com batidas viciantes, que não soariam fora do tom como um single de Kanye West ou LCD Soundsystem. Nenhum gênero está fora dos limites para Big Gigantic, que explora diferentes sons, desde o funk ao dubstep, do house ao hip-hop.

Após se graduar em um mestrado em jazz na Manhattan School of Music, Lalli se mudou para Boulder e começou a tocar com Salken, experimentando a ideia de interpretar música tradicional à base de DJ com instrumentos ao vivo. O duo chegou ao hype no início de 2008, fazendo shows locais antes de lançar o álbum de estreia em 2009, Fire It Up, e embarcar em uma turnê completa nos EUA. Desde então, tocaram nos principais festivais dos EUA, como no seu evento anual “Rowdytown”, no Red Rocks Amphitheatre, que teve lotação esgotada em todas as edições desde a sua criação, em 2012.

Os transcedentais shows ao vivo do Big Gigantic são uma mostra da brilhante improvisação e do forte vínculo entre Salken e Lalli, que alternam entre teclado, sax e laptop, construindo uma parede de som futurista que coloca a multidão a seus pés. A maratona de shows apresenta várias canções novas, antigas e inéditas, como também conta com os remixes de “Black and Yellow”, de Wiz Khalifa, “I need a Dollar”, de Aloe Blacc, e “Thugs Notorious”, de Notorious B.I.G.’s.

Nome: Big Gigantic
País: Estados Unidos
Ano de formação: 2008
Integrantes: Dominic Lalli (saxofone e produção) e Jeremy Salken (bateria)
Sucessos: “Sky High”, “The Night is Young”, “Touch the Sky” e “Blue Dream”

Anúncios

Especial Lollapalooza 2015 – CHEMICAL SURF

Chemical Intermediario mat

O Chemical Surf é formado pelos irmãos Lucas & Hugo Sanches. Em 2014 ganharam reconhecimento internacional após assinarem contratos por importantes gravadoras como Kittball de Tube & Berger, Toolroom do Mark Knight, Bunny Tiger do Sharam Jey, Cuff de Amine Edge & Dance, Armada Music do Armin Van Buureen, além de King Street, Go Deeva, Kontor, Recovery Tech, entre outras.

Emplacaram recentemente as faixas “Don’t be jealous”, “Good Time” e “Walking Back”, está última atingiu o #10 no TOP100 de tech-house no Beatport e #55 em todos os gêneros, além do vinil ter sido o terceiro mais vendido no deejay.de, principal site de venda de discos na Europa. “Walking Back” ainda foi relançada na coletânea internacional Pacha Summer 2014 em formato CD, incluindo sucessos de Booka Shade, Solomun, Moby entre outros.

Os irmãos se apresentam frequentemente nos principais clubs e festivais do Brasil, como Tribaltech Festival, Club Vibe, Privilege, Kaballah, Matahari, Disco, Café de la Musique, Clash, El Fortin, Pink Elephant, Solaris Festival, Terraza, Club 88, Bali Hai, Magic Island, Save, Nite Club, The Garden, Cave, Maori Festival, La Isla Beach Club, Sete Club, Bielle Club entre outros.

No ultimo verão europeu se apresentaram na Alemanha e na França, incluindo a festa “Well Done!”, que acontece no lendário Suicide Circus, em Berlim, respeitado club alemão que recebe semanalmente os maiores nomes da musica eletrônica underground.

Em novembro de 2014 fizeram sua segunda turnê europeia passando por Inglaterra, Holanda, França, Alemanha, incluindo apresentações no famoso La Machine Du Moulin Rouge, em Paris, e no conceituado Club NL, em Amsterdam.

Alcançaram diversas vezes o TOP100 do Beatport no gênero tech-house. “What’s that”, em parceria com Juliet Sikora, foi lançada pela Kittbal e atingiu a #50 posição, o remix do Chemical Surf para a faixa “Pumping”, lançada pela Go Deeva, alcançou o #62, e “No Matter” figurou em #92.

Seus últimos lançamentos têm sido tocados por grandes artistas como Tube & Berger, Mark Knight, Sasha, Noir, Claude Vonstroke, Pleasurekraft, Sharam Jey, Betoko, Amine Edge, Kolombo, Phonique, Claptone, Coyu, Teenage Mutants, German Brigante, Kyle Watson entre outros.

O Chemical Surf é sem dúvidas um dos nomes que está no “spotlight” da música eletrônica atualmente.

Nome: Chemical Surf
País: Brasil
Ano de formação: 2003
Integrantes: Lucas Sanches (DJ) e Hugo Sanches (DJ)
Sucessos: Dont be jealous, Good Time e Walking Back