Cicada

cicada2

A instalação de bambu fica no centro de Taipei em Taiwan, desenhada pelo arquiteto Marco Casagrande é um vazio textura orgânico inserido mecânica da cidade. O desenho da obra foi criado para ser um casulo  pós-industrial resultado da metamorfose de um inseto gigante. A arquitetura é baseada no conhecimento local de escala humana flexível construídos a partir de estruturas de bambu contendo um alto nível de improvisação inerente à mente de insetos e seus casulos de forma livre.

Quando se entra no Cicada, que em português quer dizer cigarra, a cidade ao redor desaparece. O casulo é um espaço interior, mas totalmente fora – ele está respirando, vibrando, de maneira suave e segura. O espaço inspirado no movimento swollow dialoga com o homem moderno e ao mesmo tempo oferecer-lhe a possibilidade de viajar mil anos atrás. Ao final, Cicada realiza uma arquitetura de insetos em plena  rua.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Anúncios